Publicidade
Quarta-Feira, 15 de Agosto de 2018
Descrição do tempo
  • 20º C
  • 15º C

Destino SC: São Francisco do Sul une beleza natural, cultura e história

Pedalar, caminhar pelo Centro Histórico, assistir ao pôr do sol, cidade mais antiga de Santa Catarina é um ótimo roteiro no inverno

Everton Palaoro
Florianópolis
09/08/2018 às 20H09

A ilha de São Francisco do Sul é repleta de belezas naturais e rica em história. E oferece ótimas opções de lazer mesmo no inverno. O Centro Histórico é um charme a parte com os casarios, bares, restaurantes e museus. Para quem busca tranquilidade, a Enseada proporciona uma paisagem deslumbrante para caminhadas e no fim da tarde, um pôr do sol de tirar o fôlego.  O Parque Estadual do Icaraí garante muita aventura com trilhas e descidas pelas dunas. 

Casarios são o patrimônio da cidade mais antiga do Estado; abrigam comércio, restaurantes e museus  - SC Drones/Divulgação/ND
Casarios são o patrimônio da cidade mais antiga do Estado; abrigam comércio, restaurantes e museus - SC Drones/Divulgação/ND



São Francisco do Sul é a terceira cidade mais antiga do Brasil e primeira de Santa Catarina. Foi fundada em 1553, mas em alguns registros há relatos de que os europeus desembarcaram um pouco antes.  Além dos prédios históricos, o município tem belezas naturais encantadoras. No verão, a população triplica, mas no inverno é possível desfrutar de todos os atrativos com calma.

A parte continental da cidade, o Distrito do Sai, se destaca pelas pousadas e gastronomia. Para acessar, o visitante precisa utilizar o ferryboat, na localidade de Laranjeiras, ou lancha, que realiza a travessia em vários horários ao longo do dia.

Confira alguns roteiros:

Centro Histórico

O visitante pode reservar um dia para conhecer o Centro Histórico, caminhar sem pressa pela orla da Baía da Babitonga, almoçar tranquilamente em um dos muitos restaurantes da região. O Mercado Municipal oferece inúmeras lembranças da cidade. Os museus Nacional do Homem do Mar, Histórico e Diocesano ajudam o turista a conhecer a histórica do município e também de Santa Catarina. Os casarões são cenário perfeito para fotografias.

Parque Estadual do Içaraí, propício ao ciclismo - Everton Palaoro/Divulgação/ND
Parque Estadual do Içaraí, propício ao ciclismo - Everton Palaoro/Divulgação/ND



Parque do Icaraí

O Parque Estadual do Icaraí possibilita uma boa pedala para os amantes do ciclismo. O espaço é uma ação que integra turismo e desenvolvimento sustentável. O complexo hídrico que dá nome ao parque é responsável pelo abrigo, reprodução e alimentação de várias espécies. Quem passa pelo parque ainda consegue contemplar o pôr do sol das dunas e também descer com equipamentos alugados.

Ruínas do Casqueiro

No via que separa o Praia Grande e Ervino, existe as ruínas do Casqueiro. A história é preservada em um antigo cemitério ou nas ruínas da igreja de São Sebastião, cujo registro em uma pilastra data 1771. O nome foi dado pelos nativos, pelo motivo de ser um local de onde retiravam conchas que, aliadas ao óleo de baleia, eram utilizadas como matéria-prima para a construção de moradias. As ruínas da igreja são as provas de que essa comunidade realmente existiu juntamente com os registros do século XVIII. Perto das ruínas, se encontra um cemitério, o qual por mais de quatro séculos fora usado pelos habitantes da Enseada para o sepultamento de seus entes queridos. Antigamente o cemitério era maior e nele eram sepultadas as pessoas consideradas ricas para a época.

Enseada

Movimentada durante todo o ano, a praia da Enseada tem um comércio diversificado, vida noturna movimentada e restaurantes como Maruju’s, que oferece ótimos pratos com peixes e frutos do mar. No final de tarde, um passei na orla pode ser brindado com um belíssimo pôr do sol.

Forte Marechal Luz

Com o objetivo de proteger a cidade de possíveis invasões, o Forte Marechal Luz começou a ser construído em 1909, oficialmente criado por decreto em 15 de dezembro de 1915, mas a construção foi inaugurada em 21 de dezembro do mesmo ano. Localizado no litoral norte da ilha, é controlado até hoje pelo Exército e está com toda a estrutura muito bem cuidada. Hoje é um belo ponto turístico que conserva a história militar da região.

Publicidade

0 Comentários

Publicidade
Publicidade