Publicidade
Sábado, 16 de Fevereiro de 2019
Descrição do tempo
  • 27º C
  • 22º C

Ações ambientais da Portobello para a preservação dos recursos naturais

Conheça as principais ações ambientais desenvolvidas pela Portobello

Redação ND
Florianópolis
30/01/2019 às 23H37

Produzir de forma sustentável ainda é desafio para muitas empresas, mas a Portobello, que tem a sustentabilidade como um de seus pilares, investe em ações ambientais para garantir que seus produtos cheguem até os consumidores impactando o mínimo possível o ecossistema dos locais onde atua.

Além de proteger recursos naturais que serão necessários para as futuras gerações, a produção sustentável garante mais competitividade para as empresas, especialmente as que atuam no setor industrial. Esse reconhecimento significa bons resultados também nas áreas social e financeira, em um sistema de compensação em que todos ganham.

Conheça as principais ações ambientais desenvolvidas pela Portobello:

Desde a extração da matéria-prima até a finalização de seus produtos, a Portobello atua para que o cuidado com a preservação ambiental seja observado em todas as etapas de produção. Essa preocupação se estende até mesmo aos fornecedores da empresa. Nas cláusulas de contrato com fornecedores, a proteção ao meio ambiente está entre as condições colocadas para o fechamento de parcerias.

Matéria-Prima 

Parte da matéria-prima utilizada na fabricação de cerâmicas da Portobello é extraída de jazidas. A empresa preza pela redução de impactos nestes locais e dá atenção especial à fase de recuperação, visando o retorno da área à sua vocação natural que pode ser, principalmente, pela agricultura, pecuária, piscicultura ou reflorestamento.

Cuidados com as jazidas incluem redução de impactos nestes locais e atenção especial à fase de recuperação - Emerson Leal/Portobello
Cuidados com as jazidas incluem redução de impactos nestes locais e atenção especial à fase de recuperação - Emerson Leal/Portobello

Em alguns casos, realiza-se o reflorestamento com espécies nativas para recuperação da biodiversidade. Em 2017, 4.500 mudas nativas foram plantadas no Sul e Nordeste, com o objetivo de reflorestamento e recuperação da flora local.

Além dessas ações ambientais em suas jazidas, a Portobello oferece suporte técnico no controle e desenvolvimento das jazidas de parceiros que fornecem suas matérias-primas. No ano passado, todas as jazidas cumpriram as exigências ou condicionantes da legislação ambiental vigente.

Energia Elétrica

A matriz energética das fábricas da Portobello e Pointer (Alagoas) é composta por gás natural, energia elétrica, painéis fotovoltaicos e diesel/lubrificantes nas seguintes proporções: 87% de gás natural, 12% de energia elétrica (fonte hidráulica) e 1% de diesel/lubrificantes. O gás natural é considerado a energia mais limpa entre as fontes não-renováveis.

O gás natural responde por 87% da proporção da matriz energética para produção - Divulgação/Portobello
O gás natural responde por 87% da proporção da matriz energética para produção - Divulgação/Portobello

Além de usar o gás natural na maior parte de suas operações, a Portobello investe em alternativas para diminuir o consumo de energia, a exemplo do sistema ar-gás modulante, que permite adequar as quantidades necessárias de gás e ar, conforme a necessidade de calor ao longo dos fornos. A transferência de calor neste sistema permite também que os gases quentes, originados no processo de resfriamento, sejam transferidos e aproveitados dos fornos para os secadores.

Para contribuir com a ecoeficiência ambiental da empresa, foi iniciada a padronização da substituição da iluminação de todas as suas fábricas e prédio administrativo da empresa, em Tijucas, por refletores e lâmpadas em LED.

Os esforços em relação à eficiência energética em sua produção renderam à empresa a premiação na 19ª edição do prêmio Fritz Müller, na categoria Controle de Poluição Atmosférica. O prêmio é concedido pelo Instituto de Meio Ambiente de Santa Catarina (IMA).

Água

A Portobello possui duas estações de tratamento de efluentes oriundos do processo produtivo, enquanto a Pointer conta com uma estação de tratamento. Trata-se de um circuito fechado, onde toda a água utilizada no processo é reaproveitada. A captação de água se dá em volumes bem menores, apenas para recuperar a perda pela vaporização.

Para garantir a proteção de recursos naturais, a Portobello investe em atividades de educação ambiental, incluindo campanha do uso consciente de água - Ricardo Wolffenbüttel/Portobello
Para garantir a proteção de recursos naturais, a Portobello investe em atividades de educação ambiental, incluindo campanha do uso consciente de água - Ricardo Wolffenbüttel/Portobello

Na Pointer, o processo produtivo a seco, conhecido como “Via Seca”, realiza a moagem da matéria-prima a seco, ou seja, sem a utilização de água. Isso torna o processo de produção muito mais sustentável

Também, como parte das ações ambientais para proteger esse importante recurso natural, foi lançada uma campanha que tem como objetivo a redução do consumo de água potável no prédio administrativo da Portobello, local onde circulam diariamente mais de 250 pessoas.

Para garantir a proteção de recursos naturais, a Portobello investe ainda em atividades de educação ambiental. Além da campanha do uso consciente de água, destacam-se atividades como: palestras, sessão de cinema sobre temas ligadas ao meio ambiente; visitas técnicas às jazidas, doação e plantio de mudas de árvores, campanhas de meio ambiente voltadas para clientes e colaboradores, e também abordagem de assuntos ligados ao tema nas Semanas Internas de Prevenção de Acidentes (SIPATs).

A Portobello é destaque ainda na gestão de resíduos sólidos. Tanto que, em 2018, o projeto Gerenciamento, Reaproveitamento e Valorização na Portobello rendeu à empresa o Prêmio Expressão de Ecologia.

Publicidade

0 Comentários

Publicidade
Publicidade